CUIDADOS COM AS MÃOS

compartilhar:
o autor

Formada pela UNIFESP, com título de especialista em Dermatologia e membro da SBD (Sociedade Brasileira de Dermatologia) e da AAD (American Academy of Dermatology), a Dra Érica Monteiro escreve regularmente para o Dermatologia.
informações de contato da Dra. Érica Monteiro

A primavera está chegando, mas ainda sofremos com o tempo seco do inverno. Com a baixa umidade do ar, a pele das mãos pode ficar  seca, rachada e áspera, as cutículas também ficam irregulares.

Seguem algumas dicas para cuidar melhor das mãos nos dias secos.

Do lado de fora

O tempo seco faz com que a água presente nas camadas superiores da pele evapore. Isso pode piorar quando os ambientes são aquecidos com fontes de calor artificial que evaporam toda a umidade remanescente para fora da pele. Além disso, atividades diárias, como lavar a louça, lavar as mãos várias vezes ao dia, dar banho nos filhos podem piorar a situação. Então, o que você pode fazer? Primeiro, investir em um umidificador bom para os espaços em que passa muito tempo dentro. Hidratar as mãos sempre que possível, especialmente após lavá-las. E usar luvas para lavar louças e roupas.

As unhas e as cutículas tendem a se tornar mais frágeis no inverno, pois o frio deixa as proteínas mais rígidas e propensas a quebrar. Aplicar um creme para as mãos, espalhar nas unhas e cutículas e colocar uma luva de vinil para ajudar a ocluir o local. Deixar, no mínimo, uma hora. As mãos, as unhas e as cutículas ficarão macias.

Do lado de dentro

Os nutrientes e suplementos que você colocar no seu corpo podem ter um efeito sobre a sua pele. Durante os meses de clima frio, uma suplementação extra pode fazer uma grande diferença. Mas consulte seu médico dermatologista.
É importante manter um olho em sua dieta também. Comer alimentos ricos em proteínas, cálcio, ferro e vitaminas A, B, C e D podem melhorar a pele, unhas e cabelo de dentro para fora.

 

 

Dra. Érica Monteiro

Dermatologista

o autor

Formada pela UNIFESP, com título de especialista em Dermatologia e membro da SBD (Sociedade Brasileira de Dermatologia) e da AAD (American Academy of Dermatology), a Dra Érica Monteiro escreve regularmente para o Dermatologia.
informações de contato da Dra. Érica Monteiro

Comentários

Aprovamos comentários em que o leitor expressa suas opiniões. Comentários que contenham termos vulgares e palavrões, ofensas, dados pessoais (e-mail, telefone, RG etc.) e links externos, ou que sejam ininteligíveis, serão excluídos. Erros de português não impedirão a publicação de um comentário.